Paris: Charles de Gaulle, Hotel Les Jardins d’Eiffel e Torre Eiffel!

By  |  3 Comments

Paris! Uma cidade que dispensa comentários quando o assunto é fama, romance, estilo e claro: história. Partimos de Veneza (veja aqui), rumo ao ponto alto da viagem para a Alê, e de cara já nos maravilhamos com a Torre Eiffel, o Hotel Jardins d’Eiffel, a Champ de Mars e tudo mais!

De Veneza para Paris…

Utilizamos novamente a EasyJet partindo do Aeroporto Marco Polo em Veneza, para o aeroporto Charles de Gaulle em Paris. Vale dizer que é preciso um bom planejamento de horário para não perder seu voo em Veneza, visto que utilizamos o serviço de Alilaguna (barcos rápidos públicos, veja aqui) para ir direto de dentro de Veneza para o Aeroporto, foi uma viagem divertida de uma hora aproximadamente entre embarcar no centro de Veneza e descer na porta do aeroporto…rumo a Paris!

Aeroporto Charles de Gaulle

O aeroporto é imenso, e há grandes chances de se perder e levar mais tempo do que precisa para chegar à capital da França. Fique atento também a eventuais greves dos metrôs, ônibus ou trens e tenha certeza de não ter dor de cabeça. Diversos quiosques de atendimento ao turista podem lhe ajudar.

Paris

Aeroporto Charles de Gaulle, esse é um dos 6 terminais, e esses são 5 dos maiores aviões do mundo! Imagina o tamanho do resto do aeroporto!

Optamos por um serviço de ônibus muito bom, que passa de 30 em 30 minutos no terminal onde desembarcamos, é possível comprar o tíquete em máquinas automáticas por todo o terminal. O ônibus é sanfonado, grande e há lugar para malas. Dele ficaríamos em uma estação de Metrô que nos deixaria a um quarteirão de nosso hotel.

Hotel Les Jardins d’Eiffel

O hotel foi selecionado pela Alê e dispensa comentários, o prédio é discreto por fora e esconde uma ótima estrutura, atendimento e adega. Excelente localização, no bairro burguês próximo à estação de metrô La Tour-Maubourg, dando acesso a todo enorme sistema de metrô de Paris.

Paris

Hotel Les Jardins d’Eiffel, fachada discreta que esconde um bom hotel 4 estrelas.

O hotel fica bem situado entre diversos bistrôs, bares, pubs, cafés e inclusive com um bom mercado de bairro, que fica aberto até 23hs. Caminhando chega-se em 7 minutos até a Champ de Mars e, consequentemente a Torre Eiffel.

Paris

Bares, Cafés, Restaurantes são abundantes nos arredores do hotel

Pagando um pouco extra (coisa de 120 Euros a mais no total para 4 dias) conseguimos um dos quartos com visão para a torre,  relaxante. Estranheza apenas para o fato de que a Banheira não possui chuveiro de fato, temos de usar o chuveirinho…rs. Mesmo assim, muito confortável e categorizado 4 estrelas.

Paris

Visual do quarto no Hotel Les Jardins d’Eiffel. Abaixo, um jardim muito romântico do hotel

Namoramos um pouco a torre da janela e já caímos na tarde/noite deliciosa que nos esperava, no mês de Junho, escurece em Paris por volta das 22:30(!!!). O início de 4 dias espetaculares em Paris.

Hotel Les Jardins d’Eiffel
Rue Amélie, 8
75007, Paris
+33 1 47 05 46 21
hoteljardinseiffel.com

Champ de Mars e Torre Eiffel

Pegando a Rue Saint Dominique no sentido contrário ao dos carros chegamos à Champ de Mars, a praça/parque que fica de frente para a Torre Eiffel, quarteirões de grama verde e caminhos de cascalho branco e muita gente fazendo piqueniques, ioga, descansando, bebendo vinho ou lendo um bom livro…chega a ser surreal para uma quarta feira à tarde.

Paris

Torre Eiffel vista do jardim da Champ de Mars, imponência e aquela sensação de sonho realizado!

Optamos por não subir a torre nesse dia, deixamos para o terceiro (veja neste POST as dicas de como, onde, quanto e o que vale a pena fazer na Torre!), resolvemos escrutinar o bairro e tudo que poderíamos fazer enquanto começava a anoitecer. Atravessamos a Champ de Mars, passamos por baixo da Torre e fomos direto à beira do rio Sena, próximos ao Carrossel experimentar os crepes reconhecidos mundialmente. Veja em detalhes sobre (nham!) os Crepes aqui.

O restante desse dia utilizamos para passear a pé, escolher alguns restaurantes na região e cafés que iríamos nos próximos dias. Aguarde que vem mais nos próximos posts.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Comentários

Piloto, maridão da Alessandra Soncela. De vez em quando mete o bedelho e escreve alguma coisa sobre gastronomia e viagens! Afinal dividir nossas experiências com nossos visitantes é divertido!

3 Comentários

  1. Pingback: Paris: Crepes de Le Carrousel de la Tour Eiffel

  2. luiz.soncela@hotmail.com'

    Luiz Soncela

    13 de setembro de 2014 em 15:52

    Boa reportagem, como sempre….Deve ser emocionante voce poder estar em lugares que determinaram e ainda determinam os destinos e costumes do mundo…muito bom! Aguardamos mais posts!

  3. Pingback: Paris: Como visitar a Torre Eiffel

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>